27/06/2007

por esses dias olho para o céu de Porto Alegre e lembro que nunca estive na Antártica. o céu é glacial e o sol uma mancha de luz entre as nuvens. a chuva fina e o vento sul congelam até os sonhos mais loucos. tempo de hibernação.

5 comentários:

Silvia Chueire disse...

Este post vc devia enviar pro Atmosfera. gosto dele, ia ficar bem lá. : )


Beijos.

Flor disse...

Frio nunca foi meu tempo predileto. Soube que tem feito frio de gelar por ai, no sul. Aqui estamos de blusa de alças ainda, durante a tarde - á noitinha já esfria e de manhã também. Nosso tempo louco que não mais será o mesmo, nunca. De São Paulo para voce! Flor

R. Paschoal disse...

Deveríamos todos nos tornar ursos?

Rogerio B. disse...

Silvia,
gostei do nome "Atmosfera". lembra uma coisa qualquer com bastante espaço... o que é? me conta mais?

Flor
depois do último verão de 40º, não posso reclamar do frio... e com um cobertor e uma xícara de café, tudo fica bem.

R. Paschoal
o complicado em virar urso é a depilação... já pensou andar por aí com aqueles pêlos todos pelo corpo? sem chance. fecho os olhos e hiberno, assim mesmo, corpo humano e sonhos de urso.

beijos e abraços

Silvia Chueire disse...

Atmosfera? Ora, Rogério... : )
Er...tá bem : http://www.verbeat.com.br/blogs/atmosfera/
É isso.

Beijo,

Silvia